Ignez Ferraz, arquitetura & design  
Loading
     
PERFIL
CONTATO
NA MÍDIA
ARTIGOS
DICAS
 
Portfólio
DESIGN - MÓVEIS
ARQUITETURA
INTERIORES
MOSTRAS
MÓVEIS
Apoio
arquitetura & construção
design & internet
 
 home » artigos » tempestade de areia - a nova era dos cáquis
Tempestade de Areia - a nova era dos cáquis
Por Beatriz Novaes
The new khaquis’era


Foi em 1955, com o filme “East of Eden”, que James Dean foi considerado um dos mais influentes atores da época. Nesta película, o estilo american casual foi firmado como a maneira de vestir a nova geração. A calça de twill khaqui (ou chino) transformou-se no uniforme dos jovens e o cáqui se impôs como o novo rival do jeans.



”East of Eden” é um clássico de Elia Kazan baseado no livro de John Steinbeck (localizado em 1917, nos vales de Salinas e Monterey California), focado na rivalidade entre dois irmãos filhos de fazendeiros (referências bíblicas à Caim e Abel), protagonizado pelo mais-que-charmoso James Dean (Caim), em seu primeiro papel de destaque.


Aos poucos o chino perdeu este apelo rebelde a passou a ser usado como um clássico, de padrão bem comportado. É a referência do preppy ou estilo college (veja também este estilo no padrão xadrez).


Neste próximo verão (2010-11) a calça chino será a grande aposta do vestuário masculino. Várias grifes - Dries Van Noten, Dolce Gabana, Bottega V e Comme des Garçons (a antenada Rei Kawabuko destaca-se com suas lojas conceituais em Chelsea –NY, DSM - Londres e Omotesando - Tóquio) - apostaram o modelo na lista dos itens mais vendidos e desejados da próxima coleção.


Está diretamente ligado ao casual friday ou beige days. Todos vestirão bege e este será o uniforme das sextas feiras. Os chinos virão com uma silhueta mais ajustada e seca como resgate ao look anos 50 (conheçam os interiores destes anos dourados) e riviera Francesa (reparem a influência destes balneários já nas tendências 2007). As antigas pregas da modelagem tradicional serão esquecidas e substituídas por uma modelagem mais reta corte 5 bolsos (do jeans) ou no estilo dos skatistas (soltas e mais amplas).





O ressurgimento do chino vem associado ao seriado americano de TV “Mad Men” .


O jeans ainda é visto como uma peça muito casual para a maioria dos locais de trabalho enquanto o chino é mais fácil de usar e ser aceito em uma maior gama de situações, é mais versátil. O jeans foi tão explorado nos últimos anos que necessita uma alternativa.


O “Milano Fit” foi lançado inicialmente para o mercado Europeu, mas agora se tornou o mais forte produto global. Pode ser acompanhado por uma camisa social sport ou mesmo com t-shirt. É uma peça de dupla personalidade, podendo compor uma silhueta mais formal...





...ou mais descontraída dependendo dos complementos.





Nas modernas vitrines londrinas as vendas das calças chino cresceram em 80% nos últimos dois anos e hoje já corresponde a 60% das vendas de calças casuais.


O Chino veio para ficar.


Beatriz Novaes é arquiteta e trabalhou por mais de vinte anos na Alínea, produzindo roupa para importantes lojas, como Richards e Mary Zaide. Hoje é consultora da Essencial e nossa maior colaboradora de moda – escreveu Beatlemodamania, Tendências verão, inverno 2007 e 2010, além da volta de YSL e Chanel.
Juntas elaboramos artigos e palestras sobre Moda & Design, além da participação em eventos como Casa Cor 96, e Morar mais por menos 2004 e 2005.
 
Leia Também
 
 
Ignez Ferraz Perfil | Contato | Na mídia | Artigos | Dicas | Arquitetura | Interiores | Design-Móveis | Mostras.
  © 2003 Ignez Ferraz. Direitos reservados. Website by Felipe Memória